Cinema

Crítica | A Centopeia Humana (The Human Centipede, 2009)

Sinopse

Em A Centopeia Humana, duas jovens americanas, que estão em viagem pela Europa, encontram-se com o carro quebrado à noite numa floresta deserta da Alemanha. Elas andam pelo local em busca de ajuda quando encontram uma cidadezinha isolada. No dia seguinte, elas acordam trancafiadas num hospital abandonado junto com um homem japonês – logo antes de um senhor alemão entrar no quarto e identificar-se como um cirurgião aposentado. Ele pretende juntá-los num só corpo e realizar o antigo desejo doentio de criar uma centopeia humana.

Crítica

Na receita de um filme de terror exemplar não podemos nos dar ao luxo de esquecer nenhum ingrediente. Devemos contar com doses de dor e aflição, uma pitada de tensão, muito sangue e perseguição com no mínimo um personagem que, se não chega ao ponto da psicopatia, tenda a um comportamento doentio e impiedoso. A soma desses itens não é somente um presente aos amantes do horror, mas um memorável e espantoso filme.

Deparando-nos com o filme, somos levados ao limite do insano, ao cúmulo do sadismo, ápice da loucura, e nos entregamos à um só pensamento: o visto na tela é material grandioso, de ótima qualidade – levando-se em conta que estamos falando de filmes de terror ok? Não é por menos que a produção alemã está sendo refilmada em língua inglesa.

Permanecer à mercê do desconhecido não lhes é atraente, e acabam decidindo procurar ajuda à pé. Após muito caminhar e discutir, embaixo de uma fria chuva noturna elas acabam encontrando a casa de um estranho cirurgião aposentado que entre um pedido de ajuda, copos d’água derramados e uma seringa, às faz de vítimas.
Posteriormente, ele nos apresenta o cruel experimento ao qual as garotas e um terceiro rapaz serão submetidos: a união de três seres humanos unidos através de um mesmo aparelho digestivo. Enquanto o sofrimento começa, já descobrimos que estamos completamente envolvidos em algo cruel, com cenas de embrulhar o estômago e um desfecho que nos mantém aflitos mesmo após os créditos finais.

Sou fã convicto de filmes do gênero, e falar mais sobre este estragaria a experiência fora do comum de qualquer um que aventurar-se a ler estes comentários, mas sinto-me obrigado a admitir que este filme tornou-se um dos meus prediletos, mesmo que para assisti-lo do começo ao fim seja necessário um estômago forte e muita coragem.

Galeria de fotos | A Centopeia Humana

Este slideshow necessita de JavaScript.

Trailer | A Centopeia Humana

  • Muitas atrizes desistiram de atuar no filme ao descobrir o que o papel realmente exigia.
  • O diretor Tom Six entrou em contato com um cirurgião para saber em detalhes como poderia ser construída uma centapéia humana, dando ao filme veracidade e 100% de precisão médica.
  • O ator Dieter Laser manteve-se na pele do personagem durante toda a filmagem, mantendo-se o mais afastado possível dos atores e da equipe.

Ficha Técnica

  • Título original: The Human Centipede (First Sequence)
  • Nacionalidade: Holanda
  • Gênero: Terror
  • Ano de produção: 2009
  • Estréia: 12 de abril de 2010 (Brasil)
  • Duração: 1h 30 minutos
  • Classificação: 18 anos
  • Direção: Tom Six
  • Roteiro: Tom Six
  • Produção: Ilona Six, Tom Six
  • Trilha sonora: Patrick Savage, Holeg Spies
  • Direção de fotografia: Goof de Koning
  • Edição: Nigel de Hond, Tom Six
  • Design de produção: Thomas Stefan
  • Direção de arte: Stefan Johannes
  • Decoração do set: Caroline Lucciari
  • Estúdios: Six Entertainment

Pôster

Comentários
Topo