Cinema

Festival Internacional de Cinema de Veneza anuncia seleção oficial

Lido di Venezia, Região do Veneto, Itália. Este é o local para onde estarão voltados todos os holofotes da sétima arte, entre os dias 29 de agosto a 08 de setembro de 2018. Na data acontece o 75º Festival Internacional de Cinema de Veneza, organizado pela Bienal de Veneza, um dos mais importantes eventos de cinema do mundo.  

O filme de abertura será “Primeiro Homem” (mostra competitiva), nova cinebiografia do diretor Damian Chazelle (Oscar 2017 por “La La Land – Cantando as Estações”), que traz Ryan Gosling vivendo Neil Armstrong, o primeiro homem a pisar na lua.

Nesta edição comemorativa Veneza vai reunir grandes nomes do cinema como os irmãos Joel e Ethan Coen, com “The Ballad of Buster Scruggs“, seis contos antológicos sobre o Velho Oeste Americano; Luca Guadagnino com “Suspiria”, nova versão do clássico do terror de Dario Argento, de 1977; e Alfonso Cuarón, com “Roma”, longa-metragem sobre a vida de uma família no México dos anos 70.

Entre os diretores estreantes está Bradley Cooper com o filme “Nasce Uma Estrela”, remake protagonizado pelo próprio Cooper e Lady Gaga, que será lançado mundialmente no tradicional festival (exibido fora da competição).

Entre os selecionados da América Latina, dois filmes da Argentina estão em destaque: “Acusada“, de Gonzalo Tobal, que entrou para a mostra competitiva; e “La Quietud“, de Pablo Trapero (mostra não competitiva). O Brasil, por sua vez, marca presença com o  longa “Deslembro”, de Flávia Castro, na mostra “Horizontes” e com “Domingo”, de Fellipe Barbosa e Clara Linhart, na mostra independente “Venice Days“.

Uma das grandes homenageadas da festa é Vanessa Redgrave (seis vezes indicada ao Oscar e vencedora como melhor atriz coadjuvante em “Julia”, de 1977). A atriz britânica, de 81 anos, levará o cobiçado Leão de Ouro pelo conjunto da obra. Além dela, o diretor de cinema e roteirista canadense David Cronenberg (“A Mosca”) receberá o troféu por sua carreira. O Festival costuma organizar retrospectivas e homenagens especiais como forma de exaltar a história do cinema.

O presidente do júri desta 75ª. edição é Guillermo del Toro, vencedor do Leão de Ouro no ano passado com A Forma da Água.

Veja lista completa da mostra competitiva:

  • Primeiro Homem, de Damian Chazelle / EUA (filme de abertura)
  • The Mountain, de Rick Alverson / USA
  • Doubles Vies, de Olivier Assayas / França
  • The Sisters Brothers, de Jacques Audiard / França, Bélgica, Romênia, Espanha
  • The Ballad of Buster Scruggs, de Joel e Ethan Coen / USA
  • Vox Lux, de Brady Corbet / USA
  • Roma, de Alfonso Cuaron / México
  • 22 July, de Paul Greengrass / Noruega, Islândia
  • Suspiria, de Luca Guadagnino / Itália
  • Werk Ohne Autor, de Florian Henckel von Donnersmark / Alemanha
  • The Nightingale, de Jennifer Kent / Austrália
  • The Favourite,  de Yorgos Lanthimos / Reino Unido, Irlanda, EUA
  • Peterloo, de Mike Leigh / Reino Unido, EUA
  • Capri-Revolution, de Mario Martone / Itália, França
  • What You Gonna Do When the World’s on Fire? Roberto Minervini / Itália, EUA, França
  • Sunset, de Laszlo Nemes / Hungria, França
  • Freres Ennemis, de David Oelhoffen / França, Bélgica
  • Nuestro Tiempo, de Carlos Reygadas / México, França, Alemanha, Dinamarca, Suécia
  • At Eternity’s Gate, de Julian Schnabel / EUA, França
  • Acusada, de Gonzalo Tobal / Argentina, México
  • Zan “Killing”, de Shinya Tsukamoto / Japão
Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Topo