Cinema

As 10 melhores cinebiografias de músicos

Chega hoje (dia 1 de novembro) nos cinemas, o longa  Bohemian Rhapsody, cinebiografia de Freddie Mercury, um dos melhores cantores da história. Pensando nisso, selecionei 10 das melhores cinebiografias de músicos. Confira abaixo a lista e comente seus filmes preferidos.

10 ⇒  8 Mile – Rua das Ilusões (Eminem)

Direção: Curtis Hanson

 O filme conta um pouco da vida conturbada de Eminem, que em meio a tantos problemas, resolveu ingressar no movimento hip-hop para extravasar. Mostrando apenas o inicio da carreira de Eminem, o filme decepcionou alguns fãs que esperavam mais de sua historia, mas nem por isso não deve ser lembrado. É um dos relatos mais fieis de um ícone da nova geração, coisa que não estamos acostumados a ver, visto que a maior parte das cinebiografias se foca em ídolos do passado.

09⇒ A Fera do Rock (Jerry Lee Lewis)

Direção: Jim McBride

Uma cinebiografia injustamente esquecida, uma explosão de som e imagem, que, para a época de lançamento, foi delicioso ver. Dennis Quaid está fantástico no papel de Lewis, se mostrando empolgado em frente ao piano. O filme conta também o envolvimento de Lewis com Myra Gale Lewis, com quem se casou quando ela tinha apenas 13 anos de idade. Tendo um elenco arrasador que conta com a participação de Alec Baldwin e Winona Ryder, o filme realmente não deveria ser esquecido e merece um lugar nessa lista.

08⇒ La Bamba (Richie Valens)

Direção: Luis Valdez

Richard Stephen Valenzuela, mais conhecido como Ritchie Valens, marcou o final dos anos 50 com uma carreira meteórica, recheada de sucessos e pontuada por uma das canções mais famosas de todos os tempos: “La Bamba”. O filme mostra sua carreira.

07⇒ Cazuza: O Tempo Não Para (Cazuza)

Direção: Walter Carvalho, Sandra Werneck

O único filme nacional a participar desta lista. O filme é um relato tocante da vida, carreira e morte de um dos maiores gênios do rock nacional. Cazuza era um poeta, um perdido, um louco. Obra baseada no livro escrito por sua mãe, esta mostra como a vida que Cazuza levava era intensa e sem rumo. Era um daqueles que se não morresse de Aids, morreria de overdose, acidente de carro, ou qualquer coisa resultado de seu estilo de vida. A atuação do jovem Daniel de Oliveira nos proporciona praticamente uma viagem no tempo, tamanha dedicação em “entrar no personagem” que este teve.

06⇒ The Wonders – O Sonho não acabou (The Wonders)

Direção: Tom Hanks

Sim é uma banda fictícia. Mas a direção e atuação de Tom Hanks fazem do filme um obra prima leve no quesito cinebiografias. A música “That Thing You Do” se tornou sucesso instantâneo e é lembrada e ouvida por muitos até hoje.

05⇒ Ray (Ray Charles)

Direção: Taylor Hackford

O ator Jamie Foxx se destacou de forma estrondosa nesta obra que conta a vida do cantor cego Ray Charles. O Filme mostra desde o nascimento, a perda da visão, a descoberta do dom no teclado, até o vicio em drogas. Pontuado de flash-backs, o filme traduz todas as fazes desse gênio que morreu deixando um grande vazio para a música mundial.

04⇒ Johnny & June (Johnny Cash)

Direção: James Mangold

A historia do cantor Johnny Cash é retratada de forma fiel, mostrando desde sua infância em uma fazenda de algodão até o inicio do sucesso. Mostra ainda como o grande amor de sua vida June Carter foi a única capaz de salva-lo de um caminho de autodestruição que sua vida tomava rumo. Conta com atuações supremas de Joaquin Phoenix e Reese Witherspoon nos papeis titulo. O que rendeu a Reese o Oscar de melhor atriz. Para quem pouco conhece a obra de Cash (como eu), é sem com certeza uma boa pedida.

03⇒ Não estou lá (Bob Dylan)

Direção: Todd Haynes

Todos são ele. Nenhum é ele.” O filme mostra a carreira e vida do cantor Bob Dylan, separando de forma genial todas as “personalidades” que Dylan passou ao longo da carreira. Em constante mutação, o cantor é interpretado por vários atores (Christian Bale, Cate Blanchett, Heath Ledger, Marcus Carl Franklin, Richard Gere e Ben Whishaw) e nenhum deles leva o nome de Bob Dylan ao personagem. É uma obra interessantíssima exatamente por isso, mostrar facetas de uma mesma pessoa, como se ela fosse várias.

02⇒ The Doors (The Doors)

Direção: Oliver Stone

O diretor Oliver Stone acertou em cheio ao chamar o ator Val Kilmer para interpretar o louco Jim Morrison, ele entrou de tal forma no papel, que em alguns momentos chegamos a confundir os dois. Na trama, Jim Morrison, estudante de cinema dos anos 60 na Califórnia, forma a banda de rock The Doors. O filme mostra sua trajetória de sucesso e seu gosto pelas drogas, até sua trágica morte em Paris em 1971, com apenas 27 anos de idade.

01 ⇒ Amadeus (Mozart)

Direção: Milos Forman

Milos Forman leva a tela a obra e vida do gigante da música clássica Wolfgang Amadeus Mozart. O personagem principal é na verdade é Antonio Salieri, um homem que odiou Mozart em vida. No filme ele confessa como foi responsável pela morte do jovem compositor e conta detalhadamente como conheceu, conviveu e passou a odiar o músico. O filme ganhou 8 estatuetas do Oscar, incluindo melhor filme e melhor diretor. Sem dúvida um filme que não deve faltar na estante de um grande apreciador de cinema e música clássica.

Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Topo