Artigo

10 dos melhores filmes sobre Jesus Cristo

Presente na cultura desde inicio dos tempos, a figura de Jesus Cristo já rendeu muitos filmes. Pensando nisso, separamos 10 filmes sobre Jesus Cristo que você precisa assistir, sendo você cristão ou não.

10 – Rei dos Reis (1927)

Direção: Cecil B. DeMille

Filme Rei dos Reis (1927)

O filme cobre os 33 anos vividos por Jesus Cristo, desde seu nascimento até a crucificação, ressurreição e a ascensão. Incluindo o relacionamento do Salvador com João, os 40 dias no Deserto, a escolha dos apóstolos, o Sermão na Montanha, a traição de Judas, a páscoa e a sua última ceia.

09 – Zeitgeist (2007)

Direção: Peter Joseph

Zeitgeist (2007)

O filme reúne fontes de informação variadas e mostra que é possível as pessoas serem manipuladas por grandes instituições, governos e poderes econômicos. Ele é dividido em três partes.

1. Religião: Crenças astrológicas pagãs comparadas a religiões modernas e antigas.

2. Onze de setembro: Uma perspectiva dos numerosos aspectos questionáveis deste evento imensamente importante.

3. O Banco de Reserva Federal: Uma história de sua formação e a habilidade de controlar a economia. Trazendo novas imagens de eventos trágicos da história e depoimentos daqueles que acreditam que as pessoas estão sendo iludidas sobre o nível de liberdade que elas tem.

Este instigante documentário vai afetar tanto aqueles que concordam com isso quanto aqueles que discordam.

08 – Nos Passos do Mestre (2016)

Direção: André Marouço

Nos Passos do Mestre (2016)

Filme sobre a vida e obra de Cristo, realizado através de pesquisa espírita e que apresenta uma visão até hoje inédita a cerca deste grande personagem.

Filmado em Israel, Egito, Turquia, Itália e no Brasil, o longa apresenta dramatizações de trechos da vida de Jesus Cristo e de Allan Kardec, fundador do espiritismo.

O filme mostra Jesus como um educador e pacifista por excelência e levanta dúvidas sobre trechos polêmicos, como a virgindade de Maria; a Ressurreição de Lázaro e do próprio Jesus; e a “traição” de Judas.

07 – Jesus de Nazaré (1977)

Direção: Franco Zeffirelli

Jesus de Nazaré

Franco Zeffirelli apresenta a sua premiada versão da vida de Cristo, aclamada pela crítica pela sua grandiosidade e pela sua correção histórica e religiosa.

Este poderoso épico conta com a interpretação de estrelas como Robert Powell e a participação de Anne Bancroft, Claudia Cardinale e James Farentino entre outros. O comovente retrato da vida e a morte de Jesus de Nazaré é aqui apresentado desde o seu nascimento, passando pelas suas peregrinações ainda enquanto criança e o seu batismo por João Batista.

Relatando inúmeros milagres durante o seu percurso, o filme culmina com a crucificação e ressurreição, num dos mais fiéis e impressionantes relatos da vida de Cristo.

06 – O Jovem Messias (2016)

Direção: Cyrus Nowrasteh

O Jovem Messias (2016)

Aos sete anos, Jesus vive com sua família em Alexandria, Egito, onde eles fugiram para evitar o massacre de crianças pelo Rei Herodes de Israel.

Jesus sabe que seus pais, José e Maria, mantêm segredos sobre seu nascimento e o tratamento que o faz diferente de outros garotos. Seus pais, porém, acreditam que ainda é cedo para lhe contar a verdade de seu milagroso nascimento e seu propósito.

Com a morte do Rei, eles resolvem voltar para sua terra natal, Nazaré, sem saber que o herdeiro do trono, o novo rei, é como seu pai e está determinado a matar Jesus, ao mesmo tempo em que ele descobre a verdade sobre a sua vida.

05 – A Maior História de Todos os Tempos (1965)

Direção: George Stevens, David Lean, Jean Negulesco

A Maior História de Todos os Tempos (1965)

Uma releitura da história de Jesus Cristo, desde o nascimento até a ressurreição. A vida de Jesus de Nazaré (Max von Sydow). Seu nascimento, as pregações, milagres, julgamento, crucificação e ressurreição.

04 – Da Manjedoura à Cruz (1912)

Da Manjedoura à Cruz (1912)

A vida de Jesus foi filmada em locações reais na palestina e Egito, e influenciado também pelas gravuras de Doré. A narrativa é pontuada pelas passagens da Bíblia, registrado nas cartelas originais do filme com o capitulo e versículo das cenas.

03 – A Paixão de Cristo (2004)

Direção: Mel Gibson

A Paixão de Cristo (2004)

As últimas 12 horas da vida de Jesus de Nazaré (James Caviezel). No meio da noite, Jesus é traído por Judas (Luca Lionello) e é preso por soldados no Monte das Oliveiras, sob o comando de religiosos hebreus, que eram liderados por Caifás (Matti Sbraglia).

Após ser severamente espancado pelos seus captores, Jesus é entregue para o governador romano na Judéia, Poncio Pilatos (Hristo Shopov), pois só ele poderia ordenar a pena de morte para Jesus. Pilatos não entende o que aquele homem possa ter feito de tão horrível para pedirem a pena máxima e eram os hebreus que pediam isto.

Pilatos tenta passar a decisão para Herodes (Luca de Domenicis), governador da Galiléia, pois Jesus era de lá. Herodes também não encontra nada que incrimine Jesus e o assunto volta para Pilatos, que vai perdendo o controle da situação enquanto boa parte da população pede que Jesus seja crucificado. Tentando acalmar o povo e a província, que detesta, Pilatos vai cedendo sob os olhares incriminadores de Claudia (Claudia Gerini), sua mulher, que considera Jesus um santo.

02 – La vie et la passion de Jésus Christ (1903)

Direção: Ferdinand Zecca, Lucien Nonguet

La vie et la passion de Jésus Christ (1903)

Esse filme ilustra a mais fascinante biografia da humanidade. O filme acompanha Jesus desde a cidade de Belém, onde Maria o concebe na manjedoura, até sua ressurreição, com todo rigor bíblico. O público ainda acompanhará seus milagres, a integração dos doze apóstolos em busca do bem, a última ceia, seu julgamento em praça pública e sua crucificação.

Filmado no ano de 1902, este filme foi um dos primeiros filmes sobre a vida de Jesus Cristo já feito.

01 – A Última Tentação de Cristo (1988)

Direção: Martin Scorsese

A Última Tentação de Cristo (1988)

Do grande Martin Scorsese, o filme que imagina Jesus Cristo como um homem comum, encarnado num Messias contraditório, frágil e perturbado, que se auto-proclama filho de Deus.

Suas pregações na Judeia, então colônia romana, chocam e incomodam o governo, que decide se livrar dele. Na cruz, ele imagina como seria sua vida se, ao invés de assumir o peso da salvação dos homens, tivesse levado uma vida comum com esposa e filhos.

Comentários
Topo